A Black Friday, que se tornou uma das principais datas do e-commerce brasileiro, deve crescer por volta de 12% em comparação com o ano anterior, gerando um faturamento de R$53,5 bilhões segundo dados do E-bit. As categorias mais desejadas devem ser: eletrônicos (39%), eletrodomésticos (33%), artigos de telefonia (25%), informática (24%), moda (19%) e cosméticos (18%).

Faltando menos de um mês para a Black Friday 2018, essa é  hora de garantir que seu site está pronto para receber um alto volume de visitas e que todo o seu e-commerce está preparado para o movimento causado por uma das datas mais rentáveis do mercado.

https://meumundopersonalizado.com.br/blog/wp-content/uploads/2017/05/87653-5-vantagens-de-comprar-presente-personalizado-para-recem-nascidos-na-internet.jpg

Se você já deixou a sua  campanha estruturada, definiu as ofertas e se preveniu contra qualquer problema de segurança, ainda existem pequenas ações e preocupações que podem garantir mais vendas no dia do Black Friday.

Pensando nisso, nós da Compre Clicks separamos algumas dicas importantes para você aumentar ainda mais o alcance das suas ações para Black Friday.

  1. Crie anúncios de retargeting e remarketing

Embora muitas vezes sejam usados como sinônimos, retargeting e remarketing são ações com um objetivo comum: aumentar o número de vendas, mas que se consolidam sobre estratégias diferentes. O retargeting serve, basicamente, para buscar novos consumidores através do interesse. Enquanto o remarketing é utilizado fundamentalmente para construir uma relação com o consumidor, levando-o ao momento de compra.

Não são todas as pessoas que, ao verem o anúncio pela primeira vez, realizam a compra. Entretanto, anunciar novamente para quem demonstrou ter interesse no seu produto proporciona ao usuário uma segunda oportunidade de compra, fazendo com que os visitantes recentes se lembrem dos seus produtos e sejam acompanhados pelas suas ofertas.

Com o remarketing, você se torna capaz de engajar novamente um usuário com a sua marca, utilizando suas campanhas para apresentar novos produtos, serviços ou promoções específicas. No Black Friday, o remarketing serve para recapturar o interesse de um visitante do site, trazendo-o de volta e aumentando as chances de fazê-lo converter.

Enquanto o remarketing é fundamental para construir um relacionamento próximo entre sua loja e seu público alvo, o retargeting é utilizado principalmente para impactar quem colocou um produto no carrinho, mas não finalizou a compra. Assim, o usuário que abandonou o carrinho pode se lembrar de voltar ao site para concluir a compra, e os que apenas visitaram são reimpactados pelas campanhas, fazendo com que sua marca se aproxime e passe a integrar o dia a dia do seu público-alvo.

Na Black Friday Brasil, essa técnica possui um apelo especial, já que você pode divulgar todos os produtos pelos quais as pessoas se interessaram com um grande desconto, fazendo com que seu e-commerce se destaque em meio às enxurradas de promoções.

Diferente dos anúncios institucionais comuns, tanto o remarketing quanto retargeting  possuem uma comunicação muito mais agressiva, voltada para quem já conhece a marca. O grande diferencial desses tipos de anúncios é ter um call to action mais voltado para compra, com chamadas como “compre agora, adquira aqui” e outros exemplos.

Além disso, esses anúncios podem ser dividido em períodos de 10, 15, 20, 30, 60 e 90 dias. Pensados para diferentes tipos de clientes, cada um possui um tipo de comunicação própria para lidar com seu público, indo desde lembrar quando ele deixou um item no carrinho até colocar a sua marca em evidência na vida dessa pessoa novamente.

As listas mais comuns são as de 15 e 30 dias, utilizadas principalmente para reimpactar usuários mais próximos do momento de compra, como aqueles que integram sua lista de “carrinho”. Esse tipo de ação é uma excelente opção para trabalhar suas promoções de Black Friday, por isso, dê preferência a anúncios com descontos, usando as ofertas como estratégia de convencimento para gerar conversão. No restante do ano, listas mais distantes como 60 e 90 dias são boas opções para construir um relacionamento, captar novos usuários e, melhorar o engajamento e recuperar o tráfego do seu e-commerce.

  1. Crie um evento no Facebook

Quer lembrar os seus clientes de que você está com seu e-commerce pronto e cheio de ofertas do Black Friday? Crie um evento bem no estilo save the date no Facebook e faça a divulgação da fanpage para que seus seguidores confirmem presença.

 

https://diariodointeriorsp.com.br/wp-content/uploads/2018/08/compras-internet-1140x570.jpeg

Assim, eles serão notificados quando as ofertas forem ao ar. Por meio da sua página nas redes sociais, você também pode enviar notificações para ir aquecendo seus compradores em potencial. Aproveite a ferramenta para mostrar os produtos que estarão entre as suas promoções do Black Friday, permitindo que seus clientes se preparem para adquirir todos os produtos com maior rapidez.

  1. Já comece a ofertar produtos com desconto da Black Friday

Como falado antes, já é quase Black Friday. Porém, para alguns tipos de e-commerce no Brasil, a data já começou. Esses diferentões estenderam a data para todo o mês de novembro, chamando-o de Black Month ou Black November, divulgando suas ofertas e descontos antecipadamente.

Por isso, para concorrer com quem já está com as promoções em alta, é melhor que você comece o mês dando um pequeno teaser do que você vai oferecer na sua Black Friday. Opções como descontos progressivos que vão aumentando ao longo mês e ofertas setorizadas pelo site fazem com que os usuários se mantenham sempre atualizados sobre as suas ofertas.

  1. Aposte em uma campanha de e-mail com pré-ofertas

Se você for abrir as compras de Black Friday apenas no dia 23 novembro, é fundamental enviar um e-mail mais próximo da data com as suas ofertas mais atrativas para que seus clientes saibam delas com antecedência e se programarem. Ao longo do mês, experimente ir apresentando seus principais descontos por email e aproveite para o momento para oferecer descontos exclusivos para quem assina a sua newsletter. Assim, além de alavancar suas vendas no  dia da Black Friday, você garante um relacionamento longo e próspero com os seus clientes.

  1. Coloque um pop-up de saída no site

Acionados apenas quando o visitante leva o mouse para fora da área de navegação da página, os pop-ups de saída são perfeitos para fazer ofertas irrecusáveis,não deixando que o usuário saia da sua loja de mãos abanando.

A Black Friday Brasil é uma excelente oportunidade para instalar um pop-up de saída em seu e-commerce. Porém, é essencial que essa ferramenta seja acompanhada de um desconto realmente vantajoso, fazendo com o que o cliente não hesite na hora de aproveitá-lo.

Enfim, o grande dia do E-commerce no Brasil está chegando. Esperamos que essas dicas rápidas possam ajudar sua empresa a vender e lucrar muito mais nesta data que se mostra cada vez mais lucrativa para o comércio eletrônico brasileiro.

Para que você não esqueça nenhum detalhe da sua campanha, o melhor é fazer um checklist com as ações que já foram feitas e com as que já foram realizadas. Para ter ainda mais tranquilidade diante das datas comerciais e colher resultados surpreendentes, você pode contratar com toda a experiência e alta performance da Compre Clicks.

Quer levar seu e-commerce ao próximo nível? Venha tomar um café com um dos nossos representantes e confira o que podemos fazer pelo seu negócio!