O marketing digital possui muitas vertentes e uma muito importante é a performance digital. O marketing de performance é totalmente focado em resultados justamente porque o cliente só paga se obter o resultado esperado. Ele é baseado em estratégias mensuráveis através da análise de indicadores.

Para conseguir analisar corretamente os dados é importante adotar os indicadores certos e, para isso, as estratégias do marketing de performance precisam ter objetivos claros, como aumentar o tráfego do site, aumentar a conversão de vendas ou aumentar a quantidade de leads. O objetivo também precisa ser mensurável e quantitativo, por exemplo: Aumentar em 30% os leads do meu site.

Assim, o cliente consegue medir exatamente o que foi investido e o retorno sobre esse investimento. Esse retorno é o ROI (Return On Investment), uma métrica usada para medir os rendimentos obtidos a partir de um valor investido. O cálculo do ROI é simples:

ROI = (GANHO OBTIDO – INVESTIMENTO INICIAL) / INVESTIMENTO INICIAL

O objetivo da performance digital é ter o melhor ROI possível e é totalmente baseado na comunicação pela internet focando em conquistar a maior audiência possível e alavancar as vendas usando a menor quantidade de recursos financeiros possíveis.

Mas como criar uma campanha de marketing de performance eficaz?

Um dos primeiros passos para se criar uma estratégia eficaz é analisar o comportamento do consumidor, quais são os seus hábitos na internet, avaliar as mídias online do cliente e quais possibilidades de atuação.

Depois é hora de começar a criar o plano estratégico. Com o objetivo definido chegou o momento de entender o seu funil de conversão. É necessário que você tenha um caminho claro que leve o seu usuário a executar a ação que você deseja.

Para isso, tenha um site que torne o fluxo de usuários o mais intuitivo possível.

Como você vai estar monitorando todos os indicadores vai conseguir enxergar as ações que estão dando certo e as que não estão.  Assim, se necessário, ao longo da campanha é possível fazer reajustes e correções na estratégia e tentar uma nova abordagem.

Na verdade, somente com testes conseguimos ver qual abordagem é a melhor. O mais recomendável é o Teste A/B, que consiste em dividir o tráfego de uma determinada página em duas versões: a atual e uma outra com algumas modificações para ver qual versão apresenta melhor taxa de conversão.

Mas não altere mais de um elemento por vez, senão não será possível identificar qual mudança foi responsável pelos resultados.

Alguns elementos que você pode promover uma mudança:

Headlines

Call to Action

Descrição da oferta

Muita gente começa criando campanhas em redes sociais, mas se você tiver um bom orçamento a melhor opção é o Google Adwords. Isso porque ela serve para todo tipo de negócio, dá para especificar exatamente o que você vende e comporta um grande volume de pessoas. Os anúncios pagos do Google Adwords e de outras plataformas como o Bing Ads também são conhecidos como links patrocinados.

No Adwords é possível fazer campanhas pagando de diferentes formas:

CPC – Custo por clique – é o custo pago por clique. Você é cobrado cada vez que alguém clicar no seu anúncio.

CPV – Custo por visualização – é o custo pago cada vez que seu anúncio for exibido para alguém.

CPA – Custo por aquisição – você paga apenas quando o usuário comprar algo ou concretiza alguma ação no seu site.

CPM – Custo a cada mil impressões – nesse método não importa quantos cliques teve o seu anúncio, você só será cobrado quando ele chegar a mil impressões. Grandes portais comercializam espaços comerciais para anunciantes cobrando dessa forma.

O que são os indicadores?

KPI – Key Performance Indicator, ou seja, Indicador-chave de Performance. Com ela você consegue medir as suas ações e se estão dando bons resultados ou não.

O KPI pode ser um número ou uma porcentagem, o importante é que possa ser medido.

A maioria das pessoas confundem indicadores com métricas, achando que é a mesma coisa, mas não é. Um indicador-chave é algo relevante para seu negócio e para o seu objetivo. Uma métrica é apenas algo que pode ser medido. Uma métrica pode virar um indicador se ela se tornar importante na tomada de decisão na sua empresa.

É muito importante a escolha certa dos indicadores, pois são eles que vão medir a performance de cada objetivo. Se escolher um indicador que não atende aos seus objetivos no momento, ele estará mostrando a performance errada.

Comparadores de preço

Além de fazer anúncios pagos no Google, outra opção interessante são os comparadores de preço. Para quem tem e-commerce eles são uma excelente oportunidade para apresentarem seus produtos. Isso porque quem utiliza esses comparadores já está com a intenção de compra e só está procurando uma melhor oferta. Então, se seu produto estiver com uma oferta boa, o usuário vai clicar no seu anúncio e, consequentemente, seu número de visitantes no site vai aumentar, já que o comprador é direcionado para a página do anunciante para finalizar a compra.

Quer mais uma vantagem para anunciar nos comparadores de preço? Eles trazem credibilidade ao consumidor, aumentando a confiança no seu produto.

A Compre Clicks também trabalha com o Google Shopping, que é praticamente um comparador de preço já integrado aos resultados de busca.

Retargeting

Sabe quando você viu um produto em algum site e ele te perseguiu pela internet durante meses? Isso é chamado de Retargeting, mas o Google deu o nome de Remarketing. Essa estratégia de marketing de performance tende a trazer bons resultados, já que usuários que chegaram perto de uma compra ou preencheram algum formulário têm chances de voltar e converter em compra.

E-mail Marketing

email marketing

Essa é uma ferramenta de marketing de performance que já é mais conhecida pela maioria das pessoas. Porém, com a ascensão de outros canais no meio digital, é normal as pessoas darem menos importância para essa ferramenta.

Mas estão errados. Principalmente no meio corporativo, o e-mail continua sendo um canal muito importante. Ele pode aprimorar o relacionamento com o cliente e também alavancar as conversões.

A combinação entre respeito pelos interesses do cliente, sua privacidade, baixo custo de implementação, grande alcance e retorno imediato de suas ações fazem do e-mail marketing uma ferramenta essencial.

Como falado no começo do artigo, é importante conhecer seu público-alvo e criar um e-mail marketing personalizado para ele. Personalizar também as mensagens automatizadas, chamando a pessoa pelo nome, cria uma aproximação com seu público.

Como vimos, existem milhares de ferramentas para poder fazer um belo trabalho de performance digital.  A área de Performance da Compre Clicks conta com especialistas que estudam muito bem os clientes para oferecer as melhores estratégias para alcançar o objetivo proposto.